Gazeta São Mateus

12 fatos curiosos que aconteceram nos campeonatos estaduais de 2018

12 fatos curiosos que aconteceram nos campeonatos estaduais de 2018

12 fatos curiosos que aconteceram nos campeonatos estaduais de 2018
abril 19
12:49 2018

1
Três viradas inesperadas nos três dos principais campeonatos
Em três dos principais campeonatos do país, aconteceram três viradas. O Cruzeiro venceu por 2 a 0 e reverteu os 3 a 1 que havia sofrido no jogo de ida. O Corinthians repetiu o 1 a 0 que tinha sofrido em casa e levou o título nos pênaltis na Allianz Arena. O Botafogo (foto) marcou no último segundo de jogo e também levou a decisão para as penalidades, onde se sagrou campeão
2
Borja quebra feito de 105 anos
Desde 1913, quando o britânico Whatley, do Mackenzie College, foi artilheiro do Campeonato Paulista, o torneio não tinha um goleador estrangeiro. O colombiano do Palmeiras fez sete gols na edição 2018 do Paulistão
3
Abelhas em campo
Na finalíssima do Paulista no Allianz Parque, abelhas estavam no gramado e, por coincidência (ou não), no banco de reservas do Corinthians. Com a ajuda de bombeiros e um apicultor, a colmeia foi retirada
4
Real Madrid de São Paulo
O Corinthians, com a conquista do último domingo, levou para casa sua 29ª taça do Campeonato Paulista. A seguir, Santos e Palmeiras possuem 22 – sete a menos que o rival. É uma hegemonia que lembra a do Real Madrid na Europa, que possui 12 canecos da Liga dos Campeões
5
Técnico rei dos estaduais
O Remo venceu o Paysandu por 1 a 0 no último domingo (8/4/2018) e se sagrou campeão paraense, com gol de pênalti de Isac. Foi o 17° título do técnico Givanildo Oliveira, que venceu sete no Pará, cinco títulos em Pernambuco, dois em Alagoas, um na Bahia, um em Minas Gerais e um no Ceará
6
Único tetra
Com a vitória por 3 a 1 sobre o Aparecidense, o Goiás se sagrou tetra campeão consecutivo do estadual. É a única equipe no país a ganhar quatro torneios regionais consecutivos
7
Artilheiro mais jovem da história do Flu
O centroavante Pedro, revelado nas categorias de base do Fluminense, foi o artilheiro do campeonato carioca mais jovem da história do clube. O jogador mostrou que pode substituir com êxito Henrique Dourado
8
Rejeitados pelo Palmeiras, porém campeões
O Palmeiras dispensou o lateral-esquerdo Egídio, e o mesmo foi campeão mineiro pelo Cruzeiro. Emprestou o meia Allione (foto) para o Bahia, e o argentino foi campeão baiano. Não fez questão de segurar o auxiliar técnico Alberto Valentim e, como treinador, ele ganhou o carioca pelo Botafogo. O Palmeiras? Ficou com o vice-campeonato Paulista
9
Grêmio supera jejum de oito anos
A última vez que o Grêmio havia sido campeão foi em 2010 e, no período, teve que aguentar nada menos que seis conquistas do arquirrival Internacional. Na decisão do gaúcho, o Tricolor passeou contra o Brasil de Pelotas e fechou a competição com um agregado de 7 a 0
10
Pelo sétimo ano seguido, Ba-Vi
Pela sétima temporada seguida, o campeonato baiano foi decidido entre Bahia e Vitória. Após três conquistas para cada lado, o Bahia venceu o tira-teima e ficou com a taça vencendo os dois jogos: o primeiro por 2 a 1 e o segundo por 1 a 0
11
Campeões de cordialidade
A decisão do Campeonato Catarinense entre Chapecoense e Figueirense foi marcada pela extrema cordialidade entre as duas equipes. Mesmo após a vitória do Figueira em plena Arena Condá, estádio da Chape, os jogadores do time mandante reconheceram a conquista do rival e aplaudiram, assim como a torcida. Os atletas do Figueira também reverenciaram o vice da Chapecoense
12
Com Ceni e no centenário, Fortaleza é vice
No ano de seu centenário e com Rogério Ceni no comando, o Fortaleza perdeu os dois jogos para o Ceará por 2 a 1 e ficou apenas com o vice Campeonato Cearense
Por BOL

Related Articles

0 Comments

No Comments Yet!

There are no comments at the moment, do you want to add one?

Write a comment

Write a Comment