Gazeta São Mateus

Gestão da Fundação do ABC em São Mateus

Gestão da Fundação do ABC em São Mateus

Gestão da Fundação do ABC em São Mateus
maio 24
11:07 2016

Caracterizada como pessoa jurídica de direito privado, entidade filantrópica de assistência social, saúde e educação, a Fundação do ABC completou 6 meses de trabalho à frente das unidades da Rede Assistencial da Supervisão Técnica de Saúde (STS) São Mateus, na Zona Leste da Capital paulista, com resultados expressivos no período. Graças à parceria inédita, foi possível contabilizar aumento de 36% no número de consultas médicas entre novembro e fevereiro, assim como o acréscimo de 180% nos exames de imagem.
“Quando iniciamos os trabalhos, realizávamos média de 7 mil consultas mensais em duas AMAs (Assistência Médica Ambulatorial) sob gestão da fundação. Em fevereiro deste ano, contabilizamos mais de 23 mil em cinco AMAs administradas”, calcula a gerente da Fundação do ABC para o contrato São Mateus, Darlice da Mota Soares, que acrescenta: “Em relação aos exames de diagnóstico, realizamos 2.500 procedimentos em dezembro e 7.000 em fevereiro deste ano – um aumento de 180%. Além disso, desde março iniciamos os exames de ultrassom obstétrico e morfológico, que são inéditos na região”.
Desde o início da parceria, em setembro de 2015, Fundação do ABC e Prefeitura de São Paulo têm procurado avançar nos modelos de atenção e de gestão no território, em busca da maior integração entre as unidades de saúde de São Mateus, com objetivo de otimizar recursos e melhorar a assistência em benefício de toda a população da região. “Construímos um novo modelo de trabalho, com readequação das áreas administrativas e reestruturação de toda a assistência. Uma das grandes conquistas nesse período é a integração entre AMAs e UBSs, conforme projeto da Secretaria de Saúde de São Paulo. Quando assumimos, essas unidades, apesar de conjugadas, trabalhavam de maneira independente. Hoje a integração é realidade, o que permite aproveitar melhor os recursos disponíveis e ampliar algumas áreas de atendimento”, “Com a integração, pacientes das UBSs ganharam mais um dia na semana para alguns tipos de atendimento, pois as AMAs funcionam aos sábados. Papanicolau, vacinação e atendimento odontológico são alguns dos serviços já disponíveis”.
MUITO ALÉM DE NÚMEROS
“Quando assinamos contrato com a Prefeitura, uma das metas era a atualização das carteiras de vacinação de 90% das crianças menores de um ano. Mobilizamos todas as unidades e conseguimos alcançar o objetivo, contando com o apoio importante dos agentes comunitários de saúde (ACSs)”, Entretanto, algumas das unidades não contam com ACSs, como é o caso da UBS Jardim Santo André. “Foi um esforço enorme da equipe do Jardim Santo André frente ao desafio. Das 688 crianças registradas na unidade, 131 estavam com a vacinação em atraso. Em uma semana, a equipe de enfermagem e todos os funcionários se mobilizaram e conseguiram vacinar todos os faltosos..
Mesmo com muitas mudanças ocorridas no território, as unidades conseguiram manter em funcionamento projetos de humanização existentes, com apoio da FUABC. Na UBS Jardim da Conquista II, por exemplo, o destaque é o projeto de humanização que oferece banho de ofurô para recém-nascidos. A técnica acalma o bebê, promove relaxamento e estimula o vínculo da criança com a mãe. Nessa mesma linha, a UBS Parque Boa Esperança organiza grupos de aleitamento materno com as mães, com encontros na área verde da unidade.
Todo esse trabalho conta com suporte de um grupo de colaboradores diferenciados, conhecidos como apoiadores. “São profissionais experientes em gestão e saúde, que em parceria com a Supervisão de Saúde de São Mateus, acompanham o trabalho dos gestores dos serviços, aproximando a gestão da realidade vivenciada no território. Reuniões semanais com a Supervisão de Saúde e com a Gestão na FUABC permitem que eles troquem experiências e discutam alternativas criativas para os problemas”, revela Darlice Soares, que finaliza: “Espírito de equipe e muita coragem completam o perfil dos profissionais que fazem a gestão dos serviços, garantindo que a população do território tenha acesso, cada vez mais, a um atendimento humanizado e de qualidade”.

Share

Matérias relacionadas

0 Comentário

Ainda não há comentários!

Não há comentários no momento, você quer adicionar um?

Escrever Comentário

Escrever Comentário